‘Tem Bububu no Bobobó’ na festa de seis anos da Casa Selvática!

É sagrado, é profano, irresistivelmente épico. Ao longo desses seis anos, no charmoso sobrado rosado, na Rua Nunes Machado, 950 no bairro Rebouças, a Casa Selvática construiu e desenvolveu seu legado cênico e performático quebrando diversos estereótipos normativos instaurados de forma fascista na bela Curitiba. Residências artísticas, apresentações de dança, teatro, performances, shows, exibição de filmes e diversas ações itinerantes apresentadas em várias cidades do Brasil, América Latina e Europa. E para celebrar todas as conquistas, o cabaré da Selvática vai pegar fogo!

A tradicional festa Tem Bububo o Bobobó vai acontecer no dia 04 de março com um grande almoço e festa das undervedetes mais famosas da cidade. O primeiro lote promocional já está sendo vendido a partir de R$25. Mas artista cozinha? E muito bem, tanto é que o menu desta edição comemorativa é uma fusão de sabores. Uma bela arte de empratamento.

Cardápio

Entrada: Tacos recheados com abacate, pimenta rosa e folhas verdes (acompanha maionese defumada e barbecue de abacaxi).
Principal: Conchiglione recheado com alcachofras, queijo fresco e amêndoas ou batatas laminadas servidas com ragu de cogumelos, jambu e tucupi.
Sobremesa: Torta de maçãs flambadas no whisky servida com creme catalão.

E ainda…

Vai rolar a cerimônia com a entrega do Troféu Cabeça de Chinchila um dos eventos mais aguardados do ano, com a premiação dos Antimelhores das Artes Cênicas e Performáticas de Curitiba e região.

Programação, horários e etc e tal!

11h30 às 15h30 | Almoço
17h | Entrega do Troféu Cabeça de Chinchila (entrada franca)
R$ 25 | Primeiro lote
R$ 30 | Segundo lote
R$ 35 | Terceiro lote (a partir de 01/03)
Vendas pelo site www.selvatica.art.br ou pelos telefones (41)988072121/996115910

Serviço

Tem Bububu no Bobobó
Onde: Casa Selvática
Endereço: Rua Nunes Machado, 950 – Rebouças
Quando: 04 de março
Horário: A partir das 11h30

 

Lucas Cabaña

Lucas Cabaña é jornalista e produtor cultural. Radicado em Curitiba há quase dez anos, já atuou em diversos veículos de comunicação na capital. É fundador da Cabaña Comunicação, empresa responsável pela assessoria de imprensa de eventos culturais e artísticos. Apaixonado por música, o cenário cultural curitibano é a verve do seu trabalho e por isso também ama Curitiba. Assim sendo, ninguém melhor para assinar a coluna "Música é o Canal" do Eu Amo Curitiba que compartilha experiências musicais em todos os tons.