Dia 21 de março – Dia Internacional de Combate à Discriminação Racial


A data de 21 de março foi escolhida em alusão ao massacre ocorrido no bairro de Sharpeville, na cidade de Joanesburgo, na África do Sul.

Há 49 anos, a Organização das Nações Unidas instituiu que todo dia 21 de março seja lembrado como o Dia Internacional Contra a Discriminação Racial, que passou a ser comemorado a partir do ano seguinte e que integra o texto da Declaração Universal dos Direitos Humanos.

Apesar de estar próximo de comemorar meio século de sua implementação pela ONU, mais do nunca a luta contra o preconceito racial em todo o mundo é urgente, legítima e somente o entendimento de suas origens, causas e consequências poderemos alcançar aquilo que chamamos de justiça social e respeito à dignidade humana.

O massacre de Sharperville

A data de 21 de março foi escolhida em alusão ao massacre ocorrido no bairro de Sharpeville, na cidade de Joanesburgo, na África do Sul. Em 21 de março de 1960, cerca de 70 pessoas foram mortas e 180 ficaram feridas pela polícia num protesto pacífico contra a Lei do Passe, que obrigava os negros da África do Sul a usarem uma caderneta na qual estava escrito aonde eles poderiam ir.

O fato causou grande impacto na opinião pública no mundo inteiro que passou a questionar as imposições raciais na África do Sul. Vale lembrar, que a Lei do Passe era apenas uma das normas impostas pelo Appartied, sistema de repressão à população negra criado pelo Partido Nacional que governava o país com mãos de ferro em nome da supremacia branca.

Para conhecer melhor essa história e entender porque o Dia Internacional de Combate
à Discriminação Racial é tão importante, especialmente no Brasil, acompanhe os vídeos abaixo.