NA-NU Ama Curitiba – Quando forças se unem para criar arte


Na conversa quinzenal dos editores do NA-NU falam sobre a arte realizada coletivamente.

Na conversa quinzenal dos editores do NA-NU, Lucas Fernandes e Luma Aplevicz conversam sobre a arte realizada coletivamente. Começando com o exemplo máximo do GorillazNo NA-NU já falamos bastante sobre o Gorillaz, projeto que nasceu da união dos trabalhos de Damon Albarn, lider da banda britpop Blur, e Jamie Hewlett, co-criador da série de HQ Tank Girl. A proposta inicial era a de uma banda virtual, sem formação fixa, onde os músicos se esconderiam por trás de entidades fictícias, que teriam suas próprias personalidades e histórias.

Partimos então para exemplos na cena local, mostrando projetos sobre os quais já falamos em nosso blog, nanu.blog.br como Yokohama Café, projeto-banda liderado por Allan Yokohama ao lado de vários membros da cena musical curitibana com o objetivo de a cada canção ser realizada por uma formação por mês por onde já passaram artistas como Oneide Diedrich (Pelebrói Não SeiGripe ForteCrooner Dee), Rapha Moraes (PolexiaNuvensRapha Moraes e The Mentes), Gustavo SchirmerFábio Elias (RelespúblicaGripe Forte), Marco Paulo Borgonhoni,  Igor AmatuzziMarano e Tiaguera Nunes. Também de Tudo que não quero falar sobre Amor, da Estrela Leminski e Téo Ruiz, projeto do casal que lançou 12 videoclipes para 12 canções. Cada música foi tratada como uma obra única. O projeto envolveu dez diretores de videoclipes, sete produtores musicais, entre eles John Ulhoa (Pato Fu), Rodrigo Lemos e Fred Teixeira, assim como a participação de diversos músicos. Falamos também da banda Risoflora, formada por André Nigro, Bruna Buschle, Maytê Corrêa, Thaïs Morell e Vilma Ribeiro, artistas com incríveis carreiras paralelas. E falamos também um pouco da nossa própria história, sendo que o NA-NU surgiu de um coletivo de amigos, nos anos 90, que produziam um fanzine (ver mais sobre aqui).

Você pode manter o contato com o NA-NU nas nossas redes, FacebookInstagram, Youtube e quer mais arte, cultura e entretenimento? http://nanu.blog.br/

Trilha sonora: RisofloraOde a São Longuinho (Zack‘s Remix)