Marcelo Marques Lopes, curador dos ilustradores.

Na estreia da coluna que vai destacar publicações, eventos e desenhistas curitibanos apresento o trabalho do ilustrador Marcelo Marques Lopes criador da  logo da Traços Curitibanos, utilizada também aqui na coluna.

Marcelo como notório ilustrador da cidade, desde a criação do projeto em 2015, faz a curadoria do segmento “Ilustração” na Mostra Traços Curitibanos.

Artista, ilustrador e professor, Marcelo é proprietário do estúdio de Ilustração Degradê. Publicou dezenas de livros infantis, cartilhas e livros didáticos. Participou de várias coletâneas de Quadrinhos e é responsável pela arte da HQ “Barão do Serro Azul – Herói da Paz”. Possui prêmios em ilustração publicitária e várias indicações em premiações literárias como o Jabuti. É delegado cultural e representa o segmento da ilustração no conselho Municipal de Cultura na Fundação Cultural de Curitiba e teve uma importante participação quando os Ilustradores, quadrinistas, cartunistas e animadores se organizaram em setorial e participaram da Conferência Municipal de Cultura em 2014.

Marcelo é o professor da Gibiteca de Curitiba e faz parte da comissão do espaço que ajuda na seleção da programação como exposições da Gibiteca. Uma particularidade das obras de Marcelo é a grande habilidade com o bico de pena.

Abaixo algumas obras de Marcelo para sua apreciação: