FALE QUANTO VALE OU VALE O QUANTO TOCA

Publicidade:

FALE QUANTO VALE OU VALE O QUANTO TOCA

Este é um espaço para falar sobre as artes cênicas, sob a ótica do expectador. O modo como uma obra é capaz de mobilizar/afetar e sensibilizar o outro, através de sua linguagem. Sua poética!

Grupo Delírio completa 35 anos de atividades

Companhia de teatro curitibana celebra mais de três décadas de dedicação à arte, que resultou em mais de 75 Troféus Gralha Azul e dois Troféus Kikito Em setembro de 2017, uma das companhias mais importantes do cenário teatral curitibano, paranaense e brasileiro, o Grupo Delírio, Ver mais ....→

No aconchego de um apê!

Era segunda, último dia de julho e a noite já abria seu ofício. Sete horas pra ser mais exata! Caminho em direção ao meu compromisso! Rua Treze de maio, APê 1001. Passos calmos, tempo aprazível , mesmo sendo inverno em Curitiba. Toco o interfone, subo as escadas e um cheiro inebriante de Ver mais ....→

O Fabuloso universo das estranhezas! - O senhor acha que eu estou enlouquecendo? - Eu acho que sim! Você está louca, maluca, perdeu a razão. Mas eu vou te contar um segredo. "As melhores pessoas, são assim." É apenas um sonho Alice!

É... o mundo ás vezes pode parecer meio cruel quando se é um desajustado. Mas que graça teria, passar pelo mundo sendo apenas mais uma sombra perdida entre tantas?! Quem é que nunca se achou incompreendido, quem nunca engoliu um desaforo, quem nunca desejou se transportar para um universo Ver mais ....→

Das belezas do avesso… “Retomo meu bordado verde água, enquanto espero serena, que meu amor se esfume em mar de aquarela” Etel Frota

Deito minha cabeça em um travesseiro de pedra e percebo que a vida começa a se esvair... Há um ano, essa imagem ficou reverberando em minha cabeça. Foi quando representei uma das mães da peça PENÉLOPE PELO AVESSO”  inspirada na obra  “ Artigo Oitavo”  de Etel Frota. Essa era a Ver mais ....→

Da natureza de todas as coisas.

Um passarinho me convidou para ouvir uma história!  Uma história dessas cheias de imagem, que quando se toma assento pra ouvir, o dia cria barriga e o sossego faz morada dentro da gente. Tudo some ao redor tão bem a história é contada. Bendita hora que ouvi o convite desse passarinho! Com Ver mais ....→

O Olhar de Annelize! De como um olhar, muda tudo...

A vida é arte do encontro, já diria Toquinho e Vinícius. Eu não tenho tido do que me queixar, ultimamente a vida tem me proporcionado grandes encontros. O mais recente deles, foi com uma moça de sorriso largo e cabelo vermelho, que atende pelo nome de Annelize. Nosso encontro ocorreu no Ver mais ....→

Avante comparsas!

Mudando um pouco o foco, mas ainda falando de arte e teatro, gostaria de compartilhar uma coisa: Quando você estiver passeando pelo alto da XV, nas mediações do Polo Shopping, minha dica é que você dê  uma esticada até a Rua Camões n° 515. Lá, está localizada a sede da Comparsaria Ver mais ....→

Sobre histórias e sonhos!

Sexta feira santa e eu decido não viajar! Ao invés disso, conto as horas para ir ao teatro da Caixa assistir os Tapetes contadores de histórias, no mágico Shtim Shlim.O sonho de um aprendiz! Pois então, vamos aos sonhos, porque como diz Milton Nascimento, sonhos não envelhecem! Coisa que a Ver mais ....→

Quem vai dizer que não posso porque sou mulher?!

Domingo de manhã. Consigo dar uma pausa na correria cotidiana e vou ao teatro ver um grupo de amigas de São Paulo, que estavam em cartaz no festival. A peça se chama Por ser mulher- substantivo feminino. Sim, é dia de falar desse nosso universo tão vasto. No caminho, vou pensando em todas as Ver mais ....→

Vamos falar sobre sensibilidades!

Este blog foi idealizado para dialogar sobre teatro e artes em geral, mas também, abrir espaço  pra discussão acerca de como a arte nos toca, nos mobiliza e nos transforma. Pois seguindo esse contexto, estava eu cumprindo meu ofício de produtora local no FRINGE (um dos segmentos do Festival Ver mais ....→

O carro dos sonhos

Quando eu era criança pequena lá em Barbacena  (Quem teve infância e adolescência na década de noventa vai entender a referência do personagem do grande ator Antônio Carlos Pires na escolinha do professor Raimundo). E sim, eu posso dizer que era criança pequena em Barbacena porque nasci e Ver mais ....→

Publicidade:

Cleo Cavalcantty

Cleo Cavalcantty é mineira de Barbacena, atriz, produtora, contadora de histórias, formada pelo grupo de teatro mineiro Ponto de Partida. Residente em Curitiba, sagitariana até a última gota. Amante das artes cênicas e outras delicadezas. Numa curiosa junção de "pão de queijo com pinhão”, Cleo escreve para a nossa coluna de Teatro "Fale quando vale" com o olhar do expectador. O modo como uma obra é capaz de mobilizar, afetar e sensibilizar o outro, através de sua linguagem.

Publicidade:

Publicidade

Imagem