Ir e vir

Só dá pra falar de qualidade de vida nas grandes cidades quando moradores e seu entorno, pedestres e os usuários das mais diferentes modalidades de transporte conseguem estabelecer regras justas para uma convivência harmoniosa.
É o que toda metrópole almeja, mas poucas conseguiram até agora. As exceções são Barcelona e Amsterdã que na última década vem implantando medidas que estão mudando a relação entre a população e o seu território.
Por aqui a situação é bem diferente, mas antes de uma avaliação afoita é preciso entender que a dinâmica entre o ser urbano, a mobilidade e o espaço público é complexa e coexistente. Quando essa relação é mal resolvida, os efeitos são múltiplos de dez – gentrificação das populações de baixa renda pela especulação imobiliária que por sua vez causam o esvaziamento das regiões centrais com prejuízos para o comércio, para o trânsito e torna a vida mais cara.
Então, o que nos resta é dedicar um novo olhar para o espaço público em que o valor coletivo seja a direção a ser tomada para a conquista de um lugar pra chamar de seu, nosso, deles – as pessoas, as pessoas portadoras de deficiência, as bicicletas, os usuários de transporte coletivo, táxis e carros particulares.
 Sobre o ir e vir, o espaço não poderia deixar de trazer informações úteis no dia-a-dia do internauta motorista, ciclista, pedestre e com necessidades especiais. Quer saber sobre horários de ônibus? Quer saber quais as melhores rotas cicláveis?  Que tal um like no link acessibilidade? Dá uma passadinha por aqui e se situa.
O Eu Amo Curitiba se compromete com esse propósito: informar moradores e turistas de Curitiba sobre a mobilidade. Então, vai de que? Vai pra onde?

Ônibus  Programe-se antes de sair. Confira os horários e itinerários de ônibus em Curitiba. Saiba mais…

 

Bicicleta

Táxi

Carro

Acessibilidade