ROLO DE FILME

Publicidade

Imagem

ROLO DE FILME

Conhecimento, ideias, histórias, sugestões, palpites e outros desassossegos de duas curitibanas apaixonadas, cada qual do seu jeito, pela sétima arte. Tentamos misturar psicologia, história e cinema pra ver no que vai dar esse rolo. Muito prazer, apresentamos o nosso blog Rolo de Filme.

Posts

Pra significar como você quiser

on 25 de maio de 2017

Eu adoro histórias complexas, personagens profundos, narrativas que me fazem refletir, me identificar, repensar a vida, que me deixam encucada a semana seguinte inteira. É difícil fazer um filme assim, ainda mais nesses tempos em que Hollywood reina imaculada nas principais salas de cinema do Ver mais ....→

Nise: o coração da loucura

on 21 de fevereiro de 2017

Meu último post foi sobre Boi Neon, um dos grandes destaques do cinema brasileiro em 2016. Continuo agora com alguns comentários do belíssimo Nise: o coração da loucura, também de 2016. Este filme, dirigido por Roberto Berliner, é uma cinebiografia que conta parte da história de Nise da Ver mais ....→

Por falar em Oscar

on 13 de fevereiro de 2017

Meu último post foi sobre os filmes que eu já tinha visto e que estão concorrendo ao Oscar nesse ano. Agora, eu resolvi fazer um sobre os filmes que (infelizmente) ficaram de fora da competição e que mais especificamente, concorreriam na categoria de filme estrangeiro. Vou começar pelo que Ver mais ....→

Cineclube de Cinema Brasileiro apresenta Boi Neon Assista ao sucesso brasileiro no Cine Guarani

on 6 de fevereiro de 2017

Cartaz de Boi Neon | Crédito: Desvia O Cineclube de Cinema Brasileiro, projeto organizado pelo curso de Cinema e Vídeo da Faculdade de Artes do Paraná, retoma suas atividades em 2017 no sábado 11 de fevereiro, às 16 horas no Cine Guarani, com o filme Boi Neon, do pernambucano Gabriel Mascaro. Ver mais ....→

And the Oscar goes to…

on 2 de fevereiro de 2017

Estamos a praticamente um mês da premiação do Oscar. Somando todas as categorias são 61 filmes indicados esse ano, sendo o recordista de indicações o musical La La Land, de Damien Chazelle, que está sendo indicado em nada mais, nada menos que 14 categorias. E é por ele que eu começo Ver mais ....→

Frances Ha, uma mulher comum

on 16 de janeiro de 2017

Poster de Frances Ha | Crédito: IFC Films Um dos filmes mais belos que assisti nos últimos anos foi Frances Ha (dir. Noah Baumbach, 2012). A história é sobre Frances, uma bailarina em seus primeiros anos na tentativa de se tornar uma mulher adulta, independente e responsável numa Nova Iorque Ver mais ....→

Infância e Maturidade

on 12 de janeiro de 2017

O cinema tem o poder de nos trazer pontos de vista em relação a coisas que nunca teríamos nos dado conta de nenhuma outra forma. Através dos filmes, temos a oportunidade de viver a experiência de um outro por um período curto de tempo. Período que se bem utilizado possibilita que coisas Ver mais ....→

Experiências em Super 8

on 20 de dezembro de 2016

Câmera e cartucho de Super 8 cedidas pelo festival Curta 8 Em 2016 pude realizar um pequeno sonho cinéfilo: fazer um filme de verdade, em Super 8. Já fiz alguns filmes, sim, mas nenhum deles era literalmente, essencialmente um filme. Empecilho da linguagem que não dá conta de tudo. Até bem Ver mais ....→

Sobre Mulheres e Sexualidade

on 13 de dezembro de 2016

Se interessar por psicanálise é automaticamente se interessar pela questão da sexualidade. Não é preciso conhecer profundamente a teoria pra saber que Freud adorava incluir essa pauta em quase tudo que dizia. Isso porque a sexualidade é essencial quando o assunto é poder definir quem somos, Ver mais ....→

Pra começo de conversa

on 3 de dezembro de 2016

Película Super 8 do curta Doces Amargos Enfim, o primeiro post do blog. Obviamente, só poderia ser usado para esclarecer quem sou, sobre o que falarei e o que quero. Num primeiro momento até parece fácil, mas falar de cinema nunca é tão simples assim... O blog será escrito a quatro mãos. Ver mais ....→

Publicidade

Imagem

Inaiara de Lima

Inaiara de Lima não é formada em cinema, é formada em psicologia pela UFPR. Escreveu a monografia sobre Expressionismo Alemão e desde então passou a se considerar muito habilitada a falar sobre o assunto. Gosta principalmente dos filmes que dão agonia de ver porque acha que dá pra associar tudo com psicanálise. Ina, como é chamada por aqui, coloca todo esse desassossego em forma de conhecimento, ideias, histórias, sugestões, palpites sobre a sua grande paixão - a dita sétima arte.

Publicidade

Imagem